Pular para o conteúdo principal

Novo Decreto flexibiliza funcionamento do comércio de Inhambupe nesta quinta, 3

O Governo Municipal de Inhambupe editou o Decreto nº 362/2021 nesta quarta-feira (2), determinando a adoção de novas regras para atendimento presencial no comércio local.

As novas regras não alteram alguns dispositivos do Decreto nº 349/2021, mas estabelece limitações no funcionamento dos estabelecimentos comerciais.

Todas as ações adotadas via decretos tem como objetivo combater o avanço do novo coronavírus. 

Veja algumas medidas a segui:

Art. 1o. Fica autorizado o funcionamento dos estabelecimentos comerciais, que deverão adotar as seguintes medidas:

I- obrigatoriedade de uso de máscara;

II - higienização permanente de carrinhos e cestas;

III - disponibilização de álcool70o/o para uso dos funcionários e clientes, inclusive mediante uso de borrifadores quando da entrada no estabelecimento;

IV- delimitar com marcações o espaço em que cada cliente deve aguardar, de modo que cada cliente deverá ficar a í,5m de distância do outro na fila, respeitando o limite máximo de ocupação de 01(um) cliente a cada 4m2 por estabelecimento;

V - afixar, em locais visíveis e próximos às entradas, os protocolos gerais, como também a capacidade máxima de pessoas permitidas simultaneamente no estabelecimento;

VI - em caso de utilização de máquinas eletrônicas de pagamento via cartáo de débito ou crédito, a superfície da mesma deverá ser higienizada após cada uso, de forma evitar a transmissão indireta.

§ 1º - Supermercados deverão manter, na entrada do estabelecimento, um funcionário para aferir, com termômetro do tipo eletrônico, a temperatura de todos os entrantes, bem como dispensar álcool em gel.

| - caso seja apontada uma temperatura superior a 37.8 "C, recomenda-se não autorizar a entrada de pessoas no estabelecimento.

§ 2º - Os estabelecimentos comerciais não poderão ocupar a via pública (calçadas, passeios, praças e ruas), com mesas cadeiras, tripés ou quaisquer outros objetos móveis que atrapalhem a passagem de pedestres, bicicletas e automóveis;

Art. 2º. Permanece proibida a comercialização de bebidas alcoólicas em quaisquer estabelecimentos comerciais: supermercados, mercadinhos, atacadões, distribuidoras de bebidas, lojas de conveniências, padarias, delicatessen, bares, restaurantes, congêneres e similares, inclusive pelo sistema de delivery, ate às 05h do dia 07 de junho de 2021 .

Parágrafo único: Os estabelecimentos de que trata este artigo, deverão isolar as áreas destinadas às bebidas alcoólicas.

Art. 3º - Fica autorizado o funcionamento de lanchonetes, restaurantes e congêneres, com atendimento presencial até às 20h, permitidos os serviços de entrega em domicílio (delivery) de alimentação até às 23h

Parágrafo único: As mesas e cadeiras devem ser higienizadas com sanitizante, sempre após o término de cada atendimento, dispor as mesas a uma distância mínima de 02 (dois) metros umas das outras, com no máximo 03 pessoas por mesa.

Art. 12 - Fica autorizada a fiscalização das medidas dispostas neste Decreto pelos agentes da Vigilância Sanitária e Epidemiológica em todos os estabelecimentos que se encontram em funcionamento no âmbito municipal, podendo os agentes autuar, advertir, determinar a interdição de estabelecimentos comerciais e oficiar ao Departamento Municipal de Tributos para aplicações das sanções previstas no ordenamento jurídico municipal.Fonte/https://www.ronaldoleitenews.com.br/

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Secretário de Infraestrutura de Inhambupe morre vítima da Covid-19

  O Secretário Municipal  de Infraestrutura  e Serviços Públicos  do município de Inhambupe, José Renato Santos Silva, morreu nesta terça (25) no  Hospital Metropolitano de Lauro de Freitas , por complicações da Covid-19. Renato apresentou sintomas da Covid-19 e estava internado desde a última semana no HACM de Inhambupe e no dia 19 foi transferido, já entubado,  em uma  Samu de suporte avançada para Lauro de Freitas,  onde lamentavelmente perdeu a batalha para o vírus.   Ele foi  Coordenado de Transporte da Secretaria Municipal de Educação estava a frente da pasta da  Secretaria Municipal  de Infraestrutura  e Serviços Públicos. A Prefeitura Municipal e Câmara publicaram nota de pesar. O enterro será às 16h no Cemitério local. Fonte\ronaldoleite.

Programa de monitoria estudantil na rede estadual tem inscrições prorrogadas até 4 de abril

Já os habilitados, com inscrições realizadas até sexta-feira (26), começam a atuar como monitores na próxima segunda-feira (29). Estão prorrogadas até o dia 4 de abril as inscrições para o processo de seleção dos estudantes para o Programa Mais Estudo. Já os habilitados,  com inscrições realizadas até sexta-feira (26) , começam a atuar como monitores na próxima segunda-feira (29). Para saber se está habilitado para participar da monitoria, os estudantes devem entrar em contato com a equipe gestora ou coordenação pedagógica da unidade escolar em que estuda. Os estudantes selecionados vão atuar como monitores de Língua Portuguesa, Matemática e Educação Científica, contribuindo para a aprendizagem dos colegas, durante o ano letivo 2020/21. São oferecidas duas vagas de monitoria por turma em todas as unidades escolares da rede estadual e os selecionados receberão uma bolsa de R$ 100, durante o período de vinculação ao Programa. Para participar, o estudante deve possuir Cadastro de Pessoa F

Fiocruz atinge a marca de 50 milhões de doses entregues

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) chegou nesta sexta-feira (4) a 50,9 milhões de doses de vacinas contra covid-19 entregues ao Programa Nacional de Imunizações (PNI). A soma foi atingida com a liberação de mais 3,3 milhões de doses do imunizante Oxford/AstraZeneca. O número total de entregas inclui 46,9 milhões de doses que foram produzidas no Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos/Fiocruz) e 4 milhões de vacinas importadas prontas do Instituto Serum, da Índia. No segundo caso, a Fiocruz também negociou o envio das doses e realizou a checagem e rotulagem em português dos frascos recebidos.A fundação anunciou que, a partir da semana que vem, as doses voltarão a ser entregues em duas remessas: na sexta, o estado do Rio de Janeiro receberá sua parcela de doses, e, no sábado, sairá o carregamento para o almoxarifado central do Ministério da Saúde, em São Paulo, de onde as doses são distribuídas para os demais estados e o Distrito Federal. Segundo a Fiocruz, a mudança se