segunda-feira, 19 de outubro de 2020

Abertura de capital: Rui Costa diz que governo estuda três alternativas para Embasa

 O governador Rui Costa (PT) voltou a falar dos planos para captar recursos para investimentos em saneamento básico, nesta segunda-feira (19), e citou estudos do governo em relação à Embasa.

De acordo com o governador, hoje existem três alternativas para captação de recursos envolvendo a empresa pública baiana.

“Um [dos projetos] é para ampliar o número de parcerias público-privadas (PPP). Hoje temos uma PPP na Embasa. Estamos avaliando outra PPP. E outra é fazer um processo de concessão parcial do serviço, ou seja, conceder uma região, como por exemplo a de Feira de Santana ou Recôncavo”.O governador seguiu: “O terceiro seria uma venda parcial das ações da Embasa, para que ela fique como é hoje a Petrobras, o Banco do Brasil, ou seja, que tenha ações no mercado. Mas o Estado continua tendo o controle da empresa”.

Rui Costa explicou que atualmente os investimentos na Bahia dependem dos recursos próprios

“O governo hoje, diferente do que foi na época de Lula e de Dilma, que tinha o PAC, na época de Wagner, 70% dos recursos aplicados em investimentos eram da União. Hoje não chega a 10%. O Estado e a Embasa sozinhos não tem capacidade de fazer investimentos no ritmo que a Bahia precisa”, falou.Fonte/varelanoticias.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário