Pular para o conteúdo principal

Cientistas baianos usam cacau em estudo para criar medicamento contra a covid-19

Um grupo de pesquisadores baianos estuda como o cacau pode ser usado no combate à pandemia do novo coronavírus. O grupo é liderado pelo pesquisador Carlos Pirovani, da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), e tem o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (Fapesb).
O estudo avalia o potencial de enzimas presentes no cacau para atuar contra as proteases presentes no vírus. Carlos explica: “Essas proteases do vírus atuam como tesouras, cortando as grandes moléculas do vírus, o que o torna capaz de infectar o nosso organismo. No laboratório de Proteômica da Uesc, testamos a hipótese de que alguns inibidores que encontramos em proteases do cacau possam bloquear o efeito das ‘tesouras’ do Coronavírus”.
A equipe coordenada por Carlos já estuda o potencial fármaco do cacau desde 2005, para outras doenças. "Já testávamos essas moléculas contra diferentes doenças e decidimos aplicar nosso trabalho para ajudar, por meio da ciência, a combater a pandemia da covid-19. Como as proteases (tesouras) do coronavírus são alvos promissores para a criação de drogas inibidoras, decidimos realizar os testes e verificar se os inibidores que encontramos no cacau encontramos são eficazes e podem gerar um medicamento contra a doença”, disse Carlos, que informou que o grupo tem recebido mensagens de apoio de pesquisadores de outros países.
O grupo pretende elaborar um medicamento, a partir do uso do cacau, para os pacientes já infectados com a doença. Segundo o coordenador da pesquisa, o grupo quer ir na contramão da maioria das pesquisas, que tem focado em drogas que já existem, como a cloroquina e ivermectina. 
“Enquanto a maioria busca reposicionar drogas já existentes para que sejam utilizadas contra a covid-19, nossa abordagem envolve posicionar novas drogas. Nesse caso, ainda temos o aditivo de usar moléculas naturais que já produzimos em nosso laboratório. Assim, esperamos desenvolver moléculas que sejam efetivas não só contra o coronavírus, mas também outras viroses”, declarou.
Os estudos, até o momento, são classificados como promissores pelo coordenador do grupo de pesquisa. "Em um cenário perfeito, realmente esperamos que essas substâncias sejam eficazes. Por isso, a parte da pesquisa que envolve analisar as interações das substâncias do cacau com as “tesouras” do vírus já está em andamento e elas serão avaliadas quanto à toxidade às células humanas. Aquelas que passarem no teste serão avaliadas contra o próprio Sars-Cov-2 no Centro de Tecnologia em Vacina da Universidade Federal de Minas Gerais (UFGM), sob a supervisão do professor Flávio Fonseca", disse.
O projeto conta com ainda com o apoio da farmacêutica Brenda Santana, da bióloga Monaliza Macêdo e da biomédica Andria Freitas, todas estudantes de mestrado ou de doutorado da Uesc, que são responsáveis pelas análises laboratoriais.
Além disso, a Universidade Federal de Viçosa (UFV) e outros pesquisadores da Uesc também contribuem para o projeto. “Projetos desta natureza só são viáveis quando se envolve uma equipe multidisciplinar de forma a contemplar uma ampla gama de conhecimentos específicos e metodologias a serem empregadas, além do incentivo por parte da gestão pública. O apoio da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa da Bahia (Fapesb), é fundamental neste processo", concluiu Carlos.Fonte/Correio.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Programa de monitoria estudantil na rede estadual tem inscrições prorrogadas até 4 de abril

Já os habilitados, com inscrições realizadas até sexta-feira (26), começam a atuar como monitores na próxima segunda-feira (29). Estão prorrogadas até o dia 4 de abril as inscrições para o processo de seleção dos estudantes para o Programa Mais Estudo. Já os habilitados,  com inscrições realizadas até sexta-feira (26) , começam a atuar como monitores na próxima segunda-feira (29). Para saber se está habilitado para participar da monitoria, os estudantes devem entrar em contato com a equipe gestora ou coordenação pedagógica da unidade escolar em que estuda. Os estudantes selecionados vão atuar como monitores de Língua Portuguesa, Matemática e Educação Científica, contribuindo para a aprendizagem dos colegas, durante o ano letivo 2020/21. São oferecidas duas vagas de monitoria por turma em todas as unidades escolares da rede estadual e os selecionados receberão uma bolsa de R$ 100, durante o período de vinculação ao Programa. Para participar, o estudante deve possuir Cadastro de Pessoa F

Casa que vendia fogos de artifício explode e deixa feridos em Crisópolis

  Um imóvel onde funcionava uma revenda de fogos de artifício explodiu em Crisópolis, cidade a cerca de 212 Km de Salvador, na tarde desta quarta-feira (14). Conforme o coordenador do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Ivan Paiva, ao menos 10 pessoas ficaram feridas. De acordo com os Bombeiros, o imóvel estava localizado na Avenida Nelson Santiago, uma das principais da cidade. A explosão atingiu outras três casas ao lado.  Duas delas ficaram completamente destruídas e uma ficou em chamas . Segundo Ivan Paiva, 10 pessoas ficaram feridas, duas seguem nos escombros e duas foram transferidas para unidades de saúde em Salvador. O Samu analisa se será necessário o apoio do Grupamento Aéreo da Polícia Militar (Graer). O morador da cidade, Rafael Nascimento, afirmou que o caso aconteceu por volta das 16h30 e em cima da loja tinha uma casa, que era do dono da loja. Rafael Nascimento também contou que algumas pessoas ficaram feridas após a explosão e os fios de energia elétrica da

Secretário de Infraestrutura de Inhambupe morre vítima da Covid-19

  O Secretário Municipal  de Infraestrutura  e Serviços Públicos  do município de Inhambupe, José Renato Santos Silva, morreu nesta terça (25) no  Hospital Metropolitano de Lauro de Freitas , por complicações da Covid-19. Renato apresentou sintomas da Covid-19 e estava internado desde a última semana no HACM de Inhambupe e no dia 19 foi transferido, já entubado,  em uma  Samu de suporte avançada para Lauro de Freitas,  onde lamentavelmente perdeu a batalha para o vírus.   Ele foi  Coordenado de Transporte da Secretaria Municipal de Educação estava a frente da pasta da  Secretaria Municipal  de Infraestrutura  e Serviços Públicos. A Prefeitura Municipal e Câmara publicaram nota de pesar. O enterro será às 16h no Cemitério local. Fonte\ronaldoleite.