Pular para o conteúdo principal

4 em cada 10 famílias baianas gastam mais do que ganham por mês, diz IBGE

NotíciasEm dez anos, parcela do orçamento usado para despesas caiu
Quatro em cada dez famílias baianas gastam mais do que ganham por mês, segundo dados de 2018 divulgados nesta sexta-feira (4) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). As famílias mais atingidas são justamente as que têm menor rendimento, aponta o IBGE. 
O cenário teve uma melhora em relação a 2008. Naquele ano, em média, as famílias baianas gastavam 102,5% a mais do que ganhavam, no segundo pior cenário do Brasil. Hoje, as famílias da Bahia comprometem 90% do orçamento com as despesas. As 4,9 milhões que moram na Bahia têm rendimento total de R$ 3.803,08, em média, e os gastos chegam a R$ .3,423,63, mostra a pesquisa.
Segundo os dados de 2018, as cerca de 1,9 milhão de famílias na menor faixa de renda total (até R$ 1.908 ou 2 salários mínimos) têm média salarial de R$ 1.201,34 por mês e gastavam, ao todo, R$ 1.358,20, o equivalente a 113,1% do seu rendimento. Essas são as famílias mais representativas do estado - 38,1% do total.Com esses números, a Bahia é o quinto estado com famílias com maior comprometimento orçamentários no país, abaixo de  Rio Grande do Norte (96,2%), Amapá (95,2%), Maranhão (94,5%) e Pará (92,1%). No outro extremo, em média, as famílias do Espírito Santo (79,3%), Distrito Federal (79,3%) e Roraima (70,0%) tinham os orçamentos menos comprometidos do país. 
O nível de comprometimento do orçamento com as despesas mensais cai no grupo de famílias com rendimento entre R$ 1.908 e R$ 2.862 (91,8%) e volta a subir na faixa seguinte (95,8% entre as famílias com rendimento de R$ 2.862 a R$ 5.724). A partir daí, o peso das despesas vai diminuindo conforme aumenta o rendimento médio. O menor comprometimento é de 68,7%, para as 1,3% de famílias baianas que têm mais de R$ 23.850 de renda mensal.Moradia, comida e transporte 
Os três grupos de despesas com peso maior para o orçamento familiar, em 2018, foram habitação, alimentação e transporte. Juntos, correspondiam a R$ 6 de cada R$ 10 gastos pelas famílias da Bahia, representando 59% da despesa total. Esses grupos lideram o ranking de despesas na Bahia desde 2003.
Para famílias com menor rendimento (até R$ 1.908), esse trio de despesas básicas tem peso maior, chegando a quase 70% dos gastos totais. Esse peso vai diminuindo e ocupa menos da metade da despesa total das famílias no outro extremo, da maior faixa de renda (48,1% do total).
(Foto: Divulgação)
Gastos com habitação aparecem na ponta, representando 27,2% dos gastos das famílias baianas. Alimentação aparece em seguindo, com 18,3%. Transporte aparece em terceiro, representando 13,5% dos gastos totais. Em quarto lugar aparece despesa com assistência à saúde, com 7,4% do total.
As despesas com educação, em dez anos, mais que triplicaram entre as famílias baianas. Saíram de uma média mensal de R$ 42,06, em 2008, para R$ 138,92 em 2018, aumento de 230,3%. Esse foi o grupo de despesas de consumo que mais cresceu no estado durante o período.
Para comparação, em 2008 os gastos das famílias baianas com educação correspondiam a 2,1% da despesa total média, ocupando a oitava colocação no ranking. Dez anos depois, já represnetam 4,1% do gasto total da família média do estado, chegando ao sexto lugar no ranking das despesas.Fonte/Correio24horas.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Programa de monitoria estudantil na rede estadual tem inscrições prorrogadas até 4 de abril

Já os habilitados, com inscrições realizadas até sexta-feira (26), começam a atuar como monitores na próxima segunda-feira (29). Estão prorrogadas até o dia 4 de abril as inscrições para o processo de seleção dos estudantes para o Programa Mais Estudo. Já os habilitados,  com inscrições realizadas até sexta-feira (26) , começam a atuar como monitores na próxima segunda-feira (29). Para saber se está habilitado para participar da monitoria, os estudantes devem entrar em contato com a equipe gestora ou coordenação pedagógica da unidade escolar em que estuda. Os estudantes selecionados vão atuar como monitores de Língua Portuguesa, Matemática e Educação Científica, contribuindo para a aprendizagem dos colegas, durante o ano letivo 2020/21. São oferecidas duas vagas de monitoria por turma em todas as unidades escolares da rede estadual e os selecionados receberão uma bolsa de R$ 100, durante o período de vinculação ao Programa. Para participar, o estudante deve possuir Cadastro de Pessoa F

Casa que vendia fogos de artifício explode e deixa feridos em Crisópolis

  Um imóvel onde funcionava uma revenda de fogos de artifício explodiu em Crisópolis, cidade a cerca de 212 Km de Salvador, na tarde desta quarta-feira (14). Conforme o coordenador do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Ivan Paiva, ao menos 10 pessoas ficaram feridas. De acordo com os Bombeiros, o imóvel estava localizado na Avenida Nelson Santiago, uma das principais da cidade. A explosão atingiu outras três casas ao lado.  Duas delas ficaram completamente destruídas e uma ficou em chamas . Segundo Ivan Paiva, 10 pessoas ficaram feridas, duas seguem nos escombros e duas foram transferidas para unidades de saúde em Salvador. O Samu analisa se será necessário o apoio do Grupamento Aéreo da Polícia Militar (Graer). O morador da cidade, Rafael Nascimento, afirmou que o caso aconteceu por volta das 16h30 e em cima da loja tinha uma casa, que era do dono da loja. Rafael Nascimento também contou que algumas pessoas ficaram feridas após a explosão e os fios de energia elétrica da

Secretário de Infraestrutura de Inhambupe morre vítima da Covid-19

  O Secretário Municipal  de Infraestrutura  e Serviços Públicos  do município de Inhambupe, José Renato Santos Silva, morreu nesta terça (25) no  Hospital Metropolitano de Lauro de Freitas , por complicações da Covid-19. Renato apresentou sintomas da Covid-19 e estava internado desde a última semana no HACM de Inhambupe e no dia 19 foi transferido, já entubado,  em uma  Samu de suporte avançada para Lauro de Freitas,  onde lamentavelmente perdeu a batalha para o vírus.   Ele foi  Coordenado de Transporte da Secretaria Municipal de Educação estava a frente da pasta da  Secretaria Municipal  de Infraestrutura  e Serviços Públicos. A Prefeitura Municipal e Câmara publicaram nota de pesar. O enterro será às 16h no Cemitério local. Fonte\ronaldoleite.