sábado, 31 de agosto de 2019

Se não tiver apoio de Rui, candidatura de Lídice não deve avançar em 2020

[Se não tiver apoio de Rui, candidatura de Lídice não deve avançar em 2020]A deputada federal Lídice da Mata (PSB) está no jogo para a eleição de 2020 em Salvador. Entre os pré-candidatos que já se colocaram em campo, o nome da parlamentar baiana está entre os mais lembrados para a corrida eleitoral ao Palácio Thomé de Souza. Todos os partidos, inclusive, tendem a defender candidaturas próprias em função da nova lei eleitoral. O problema é que, se não tiver a bênção do governador Rui Costa (PT), ela nem sequer deve concorrer ao pleito.
"Em 2018, Lídice ganhava em todas as pesquisas para o Senado e acabou não indo para lugar algum", afirmou um pessebista ouvido pelo BNews em condição de anomimato, relembrando a celeuma envolvendo a presidente estadual da sigla antes de se lançar para a Câmara Federal. Em 2016, Lídice também abriu mão de concorrer para a prefeitura após a deputada federal Alice Portugal (PCdoB) bater o pé para representar o campo de esquerda na capital baiana.
O PSB atualmente conta com três opções para o próximo ano: além da própria Lídice, estão no páreo o vereador Silvio Humberto e o presidente do Esporte Clube Bahia, Guilherme Bellintani. O primeiro pretende surfar na onda da defesa de uma candidatura negra para o Estado. Já o segundo ainda nem se filiou, mas comenta-se que as conversas nos bastidores estão bastante avançadas.
Segundo o BNews já informou, Bellintani vê o PSB como uma sigla de esquerda mais "tranquila" em comparação com o PT, por exemplo. Em conversas com o próprio Rui no final do ano passado, aliás, chegou a ser levantada a possibilidade de ele se filiar ao grupo petista. Entretanto, o gestor teria declinado da ideia ao avaliar que a agremiação tem uma imagem muito forte, que poderia marcá-lo para sempre no meio político.Fonte/Bocaonews.

Nenhum comentário:

Postar um comentário