JC FOTOS DIGITAL

JC FOTOS DIGITAL

SUPERMERCADO E ATACADÃO SP

SUPERMERCADO E ATACADÃO SP

DENTAL MED SUA MELHOR OPÇÃO

DENTAL MED SUA MELHOR OPÇÃO

quarta-feira, 17 de abril de 2019

Após confusão entre Moema e Mirela, PSD de Lauro diz que não provocou rompimento entre partido e prefeitura


[Após confusão entre Moema e Mirela, PSD de Lauro diz que não provocou rompimento entre partido e prefeitura ]
Após o rompimento da prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho (PT) com a deputada estadual Mirela Macedo (PSD), mais votada na cidade, o diretório municipal do PSD enviou nota à imprensa para reiterar que “não existiu nenhuma provocação de rompimento entre o PSD e a gestão municipal”.
Durante a sessão plenária da Câmara de Vereadores de Lauro, na manhã desta quarta (17), o presidente da Casa pediu retratação da deputada, que teceu críticas à Moema. Ao rebater, Moema a chamou de traidora. Vale lembrar que a parlamentar foi eleita vice de Moema nas eleições de 2016, mas deixou o cargo para assumir uma vaga na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA). 
Para apaziguar os ânimos, o partido disse ainda que “o PSD nunca teve pré-candidatura ao executivo de Lauro de Freitas para 2020. Qualquer decisão desta natureza passa pela construção com o Senador Otto Alencar”, diz a nota, na tentativa de encerrar os rumores que existe disputa interna entre o PSD e PT, ambos da base do governador, nas eleições municipais de 2020.  
Confira a nota na íntegra: 
 A atual Presidenta Mirela Macedo assumiu o partido em setembro de 2015, a convite do Senador Otto Alencar, em reconhecimento à sua força política na cidade, sobretudo a partir da expressiva votação para deputada estadual em 2014. O novo diretório foi responsável por reorganizar a sigla, sanar as pendências junto à Justiça Eleitoral e aglutinar novas lideranças a seu quadro. 
Desde então, todas as decisões referentes à condução do partido são tomadas coletivamente, através do seu corpo diretor e, em muitas vezes, com a totalidade do PSD. 
O partido ainda esclarece que não existiu nenhuma reunião entre o Senador Otto Alencar, Mirela Macedo e Moema Gramacho sobre a composição para Mirela ser candidata a vice-prefeita, muito menos alguma afirmação pelo Senador de que a mesma ficaria como vice, caso houvesse oportunidade para assumir na Assembleia Legislativa. 
O PSD sempre esteve, desde o início da gestão, com em torno de 25% de pessoas convidadas a colaborar na Secretaria Municipal de Saúde. Dentro deste percentual, o partido ainda agregou pedidos de membros de outras siglas, como: PT, PSL, PC do B, PSB, dentre outros, o que prova que a natureza do partido é de muito respeito e reconhecimento às importantes lideranças que caminharam no projeto de 2016. 
O PSD nunca teve pré-candidatura ao executivo de Lauro de Freitas para 2020. Qualquer decisão desta natureza passa pela construção com o Senador Otto Alencar. 
O partido esclarece ainda que o posicionamento da Deputada Estadual Mirela Macedo referiu-se a questões específicas do mandato da parlamentar. Em tempo, expressamos o nosso reconhecimento pela sua condução à frente do PSD, através de uma gestão justa, transparente, democrática e participativa. Portanto, não existiu nenhuma provocação de rompimento entre o PSD e a gestão municipal.Fonte/Bocaonews.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário