segunda-feira, 27 de março de 2017

Sudic afasta seguranças que agrediram friamente cantor na Ceasa

Os seguranças que agrediram o cantor Anderson Costa no Centro de Abastecimento (Ceasa), localizado na região do Cia, na BA-526, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), na manhã da última sexta-feira (24), foram afastados do serviço após o caso ganhar a imprensa e gerar a revolta de milhares de pessoas.
Resultado de imagem para anderson costaCantor de rua, Anderson estava na Ceasa quando os seguranças chegaram e o agrediram friamente. Anderson ainda ficou desacordado por conta da agressão e foi arrastado em seguida para fora da Ceasa.
Em nota enviada à imprensa, a Superintendência de Desenvolvimento Industrial e Comercial (Sudic) informou que os profissionais, empregados de uma empresa de segurança terceirizada, já foram afastados. Confira a nota na íntegra:
“Sobre o episódio ocorrido na última sexta-feira (24/03) envolvendo seguranças da Ceasa na região do Cia-Aeroporto, a Administração da Central de Abastecimento informa que a abordagem feita pelos profissionais mostrados em vídeo que circula na internet não corresponde à orientação dada pela Coordenação de Segurança. A empresa responsável pelo serviço na Ceasa e nos mercados da rede já foi notificada e os envolvidos foram afastados das atividades”, diz a nota.

Nenhum comentário:

Postar um comentário