terça-feira, 22 de março de 2016

Mãe mata a própria filha de 12 anos com tiro na cabeça em Alagoas

Uma adolescente de 12 anos foi morta pela própria mãe na madrugada de sábado (19), em Maceió, com um tiro na cabeça. Cristiane Alves da Silva, 46, atirou contra a filha e em seguida atirou contra si. 

Foto: Reprodução/FacebookO crime aconteceu por volta das 3h no bairro do Farol, em Maceió. A garota chegou a ser levada para o Hospital Geral do Estado (HGE), mas já chegou no local sem vida. A mãe foi socorrida e encaminhada para um hospital particular localizado no Farol, em estado grave. Informações dão conta de que Cristiane morreu no hospital, mas a unidade não confirma a informação. Na casa onde aconteceu o crime, se encontrava ainda a avó da adolescente, que estava dormindo em outro quarto e não presenciou o momento dos disparos. A mãe era funcionária do Tribunal Regional do Trabalho de Alagoas (TRT/AL) e, de acordo com a assessoria do Tribunal, se encontrava em licença médica por depressão.

 Vizinhos acionaram a polícia, que encontrou na residência uma carta escrita pro Cristiane. A delegada plantonista, Talita de Aquino, explica que o conteúdo da carta dá algumas indicações da motivação do crime. “Cristiane tinha muitas dívidas, estava em um quadro depressivo e conta que recebeu a arma do advogado, que está sendo procurado pela polícia para dar depoimento” diz Aquino.

 O corpo da menina foi recolhido ao Instituto Médico Legal (IML) e a Delegacia de Homicídios, que investiga o caso, deve concluir o inquérito em até 30 dias.
 As informações são do G1-AL

Fonte/altapressaoonline.
ALTA PRESSÃO © 2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário