quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Morreu mulher de fotografia icónica do 11 de setembro

        Marcy Borders trabalhava há um mês no Bank of America, nas Torres Gémeas, em Nova Iorque, quando se deu o ataque terroristMarcy Borders ficou mundialmente conhecida através das imagens que foram sendo publicadas relativas à tragédia de 11 de setembro de 2001. Morreu esta segunda-feira, aos 42 anos, vítima de cancro no estômago.

Na altura com 28 anos, Marcy ficou conhecida através da icónica fotografia da mulher coberta de cinza e cimento pulverizado.
Era funcionária do Bank of America há cerca de um mês quando as Torres Gémeas sucumbiram e conseguiu sair para a rua a tempo de se salvar. Quando o primeiro avião embateu, Marcy foi aconselhada a permanecer junto da sua secretária mas desobedeceu. Queria sair daquele lugar o mais rápido possível.

Mãe de dois filhos, morreu vítima de uma doença que sempre disse estar associada àquele fatídico dia através de outros problemas de saúde que foi experienciando.Fonte/http://www.noticiasaominuto.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário