quinta-feira, 23 de abril de 2015

Bradesco é condenado a indenizar gerente demitida por suspeita de fraude na Bahia

Bradesco é condenado a indenizar gerente demitida por suspeita de fraude na BahiaO Banco Bradesco foi condenando a pagar indenização de R$ 80 mil a uma gerente de relacionamento demitida por justa causa, por suspeita de participação em fraudes em licitações na Secretaria de Segurança Pública da Bahia. 

A condenação foi proferida pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST). A justa causa foi desconstituída em juízo depois que a gerente foi absolvida na esfera penal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário