sexta-feira, 14 de novembro de 2014

Alagoinhas decreta luto oficial por falecimento de ex-prefeito José Azi

Através do Decreto Nº 4.064/14, o prefeito Paulo Cezar instituiu luto oficial de 03 (três) dias devido ao falecimento do ex-prefeito José da Silva Azi, ocorrido no último domingo, 09.

O decreto especifica: “Determina luto oficial por 03 (três) dias. O prefeito do município de Alagoinhas, estado da Bahia, no uso de suas atribuições legais, decreta: Art. 1º - Luto oficial de 03 (três) dias no município de Alagoinhas em virtude do falecimento do ex-prefeito José da Silva Azi, que representa perda irreparável no seio da nossa comunidade".

Para o prefeito Paulo Cezar, “o município perdeu um homem que sempre mostrou atenção especial pela cidade na qual se radicou. Conseguiu ser um político admirado por muitos, um homem de negócio bem sucedido e deixa descendentes que contribuem em vários setores para Alagoinhas. Temos de reverenciar um homem desta importância”.

O ex-prefeito José da Silva Azi faleceu aos 94 anos, de morte natural, no domingo, dia 09. O corpo está sendo velado na Câmara de Vereadores e o sepultamento está marcado para as 14 horas desta segunda-feira (10), no Cemitério Praça da Saudade. Zequinha Azi, como era conhecido, foi ex-prefeito de Alagoinhas pelo PR, de abril de 1959 a abril de 1963, deputado estadual pelo PTB, de 1963 a 1967, e vereador de Alagoinhas, pela Arena, de 1971 a 1973 e de 1973 a 1976, sendo também presidente da Câmara Municipal.

Além da política, ele também teve destaque no comércio e no setor empresarial. Criou a Loja Azi, atual Loja Barreto, A Pioneira do Lar, Torrefação de Café Verde e Amarelo, os cinemas Alagoinhas e Capitólio, além do Subaé, em Santo Amaro. Participou de empreendimentos nas áreas de confecções, gás, automóveis, tratores e de comunicação, sendo o fundador da Rádio Nova AM, antiga rádio Emissora de Alagoinhas.

José da Silva Azi era filho de pai libanês e mãe brasileira e nasceu em 12 de setembro de 1920 em Lamarão, distrito de Serrinha. Chegou a Alagoinhas após a Segunda Guerra Mundial. Zequinha Azi deixa a esposa Isabel Lima Azi, os filhos Haroldo, Jadson, Darlan, Jorge, Luís e Isabel Azi, netos e bisnetos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário